sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Presentes de Natal 2010

Olá!

Espero que o vosso Natal tenha sido tão simpático como o nosso: família reunida, muita comida e algumas prendinhas (especialmente para os mais pequenos...)

Como o orçamento está cada vez mais apertado e eu aprecio presentes personalizados e feitos por quem oferece, este ano decidi "enfiar-me" na cozinha (o local da casa que eu menos gosto...) e fazer doces lembrancinhas...

Fiz Bolachas de Manteiga:

Bolachas de Chocolate:

Arrepiados:

e ainda... Bolinhos de Canela!

O meu forno trabalhou mais do que alguma vez na sua vidinha...
Eu estive mais horas na cozinha do que na cama....
Os meus vizinhos devem ter pensado que eu andava com desejos às 3h da madrugada!!!

Mas acho que o resultado foi engraçadinho!

Todas as lembrancinhas tinham como base um conjunto das bolachinhas acima dentro de papel celofane que era fechado com um laçarote de cetim.

Este foi especialmente preparado para uma das Educadoras da Biobinha Júnior que fez um desenho e ajudou a fazer as bolachinhas.

A "Família das Educadoras" recebeu a sua lembrancinha dentro destes lindos saquinhos:

Ao todo foram 7!

Esta foi dentro da caixinha


Esta já foi mais aperfeiçoada pois levou um livrinho com as receitinhas!
 Dois pequenos cabazes com bolachinhas, mistura para panquecas e mistura para chocolate quente e as receitas!

 Caixinhas bonitas e cházinho para as avós!
 Caixinha bonita para a Madrinha

E a chegada do Pai Natal observada bem de perto pela Biobinha Júnior (que ficou com a certeza que aquele Pai Natal era afinal Avô!!!)

Assim que conseguir, deixo-vos o livrinho de receitas para se deliciarem!!!

Um Doce 2011!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Pensamento da semana

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes,
mas não esqueço de que a minha vida é a maior empresa do mundo.
E que posso evitar que ela vá a falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar
um oásis no recôndito da sua alma .
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo...
Fernando Pessoa